Seguir

O Ministério da Economia fechou uma parceria com a Amazon para levar informações de serviços públicos à assistente de voz Alexa. Até aí, tudo bem — timing desastroso, mas é o tipo de coisa que não faz mal ter. Problema maior foi a comunicação da novidade.

🔗 gov.br/economia/pt-br/assuntos

No Twitter, Salim Mattar, secretário de privatização do Min. da Economia, citou como exemplo de novo uso da Alexa pedir informações do auxílio emergencial da pandemia. Aí virou deboche. É (mais) um sinal inequívoco de como o Brasil não se conhece.

🐦 twitter.com/salimmattarBR/stat

Mostrar conversa

Apenas para colocar em perspectiva: o Echo mais barato custa R$ 249 (valor promocional), ou 41,5% da parcela do auxílio de R$ 600. "Ah, baixa o app, é grátis". Isso é meio fora de cogitação para 70 milhões de brasileiros que não têm acesso à internet ou a acessa de modo precário.

Mostrar conversa
Entre para participar dessa conversa
Mastodon(te)

O masto.donte.com.br é uma instância moderada com um foco em usuários do Brasil, mas usuários de outros lugares (e outras línguas) são bem vindos. Discursos de ódio são proibidos. Usuários que não respeitem as regras serão silenciados ou suspensos, dependendo da severidade da violação.