Seguir

O Twitter apagou posts do senador Flávio Bolsonaro e do ministro do meio ambiente, Ricardo Salles. Eles publicaram um vídeo antigo (de janeiro), descontextualizado, do Dr. Drauzio Varella, que, hoje, passa orientações equivocadas da COVID-19.

🔗 www1.folha.uol.com.br/colunas/

No dia 18 de março, o Twitter atualizou as diretrizes para combater desinformação relacionada à pandemia. Posts com os seguintes conteúdos são apagados:

- Negação de orientação especializada.
- Encorajamento a tratamentos, prevenções e técnicas de diagnósticos falsos.
- Conteúdo enganoso que se passa por especialistas ou autoridades.

🔗 twitter.com/TwitterSafety/stat

É a primeira vez, até onde se sabe, que as novas diretrizes foram aplicadas a figuras públicas brasileiras.

Mostrar conversa
Entre para participar dessa conversa
Mastodon(te)

O masto.donte.com.br é uma instância moderada com um foco em usuários do Brasil, mas usuários de outros lugares (e outras línguas) são bem vindos. Discursos de ódio são proibidos. Usuários que não respeitem as regras serão silenciados ou suspensos, dependendo da severidade da violação.