A Julie Delpy fazendo participação especial interpretando uma versão arrogante dela mesma na série onde ela também faz um dos papéis principais. <o> (eu achei graça)

Assisti à 3a temporada de sex education todinha no dia do lançamento e agora tô meio arrependida!

Tem gente nessa internet de modeuso que se aparece num comentário de post eu corro pro outro lado. Não quero nem passar perto.

To You

STRANGER! if you, passing, meet me, and desire to speak to me, why should you not speak to me?
And why should I not speak to you?

(Whitman, o primeiro tuiteiro.)

A terceira estranha loucura é genealogia. Tem mais de 20 anos que pesquiso a minha família mas agora passei dos limites, tô perguntando o nome da avó dos amigos. Fico feliz com cada descoberta ínfima. Fofoca de antepassados melhor fofoca.

Mostrar conversa

A segunda mania era reforma de apartamentos. Passou porque tava muito caro até na ficção e as plantas de apartamentos no Rio não ajudam.

Mostrar conversa

Uma das minhas obsessões de pandemia (pq aqui ainda é pandemia) é a mala perfeita de viagem. Tanto a mala/mochila em si quanto o conteúdo mínimo e bem planejado. Me chamem pra qualquer lugar, estarei pronta.

Tava linda, tudo ótimo, mas esse negócio de cantar "the girl from RIÔ" é muito "do berrô que o gato deu" energy.

Não tinha um cara nesta rede social que se achava o doutor House?

Quando calha de eu aparecer com alguma peça que ela me deu ela fala numa respiração só: "tá bonita essa roupa eu que te dei". Aquele elogio totalmente do avesso. Quero socar. Mas família é isso, né? Gente que a gente não escolhe e tem que conviver.

Mostrar conversa

Agora eu faço uma cara de ingênua e quando ela pergunta "qual a história dessa saia?" eu falo "uai, alguém fez, aí foi pra loja, aí eu fui lá e comprei!" e ela me olha com uma cara de "sério?" mas pára de perguntar. Dá certinho.

Mostrar conversa

É consenso na família que eu me visto mal, muito mal. Aí a minha irmã toda vez que me vê com uma roupa mais bonitinha me pergunta "qual é a história dessa roupa?" O que ela quer saber de verdade é se foi cara, se fui eu que escolhi e se eu comprei ou ganhei.

Meu tempo de treta com argentino já acabou. Deixo o beó pras novas gerações.

Adoro ter xará famoso, mas...

Queria só avisar para quem acabou de me seguir/mencionar que eu não sou o dj Maffalda, produtor musical da Pabllo Vittar.

Tenho aflição de ver cubo mágico desenhado errado. Do mesmo jeito que em dados os lados opostos sempre somam 7, no cubo, as faces branca/amarela, verde/azul e vermelha/laranja são opostas.

Quina branca com amarelo, isso non ecziste!

Desvantagens de ter médico na família: "Você tem uma pupila maior que a outra. Se você levar uma pancada na cabeça podem confundir com sintoma e abrir seu cérebro, sabia? Mas não se preocupa que esse tipo de coisa não acontece hoje em dia..."

Mostrar conversa

Por que vocês estão falando de decoração dos anos 80? Que parte eu perdi?

Vantagem de ter médico na família: "isso foi pressão baixa, os Paula são tudo assim".

Eu vou começar a alterar os anúncios da @loft_br feitos em meu nome pra 5% do preço e ver o que acontece! (Miguel tá pasmo aqui com meu espírito de porco, mas vai que assim adicionam uma camada de segurança no processo, né?)

Mostrar conversa
Mostrar mais antigos
Mastodon(te)

O masto.donte.com.br é uma instância moderada com um foco em usuários do Brasil, mas usuários de outros lugares (e outras línguas) são bem vindos. Discursos de ódio são proibidos. Usuários que não respeitem as regras serão silenciados ou suspensos, dependendo da severidade da violação.