Mostrar mais antigos

por algum motivo que não entendi bem até agora doei meu Memórias das Casas dos Mortos e fiquei com um Notas do Subsolo e foi a troca mais lixosa que me lembro de ter feito

revirei meu armário todo, a menos que o livro tenha se enfiado no meio da minha sessão de fantasia tomei no cy 🤡

vai pra lista de livros pra comprar mês que vem mas poxa vida, pelo menos peguei Trainspotting pra começar amanhã

ainda pistola com o livro perdido, mas meu problema maior agora é o que escutar lendo esse livro (gosto de ouvir música com trilha relacionada se consigo)

Trainspotting, nojento 

surreal que a cena do banheiro é ainda pior no livro. Segunda vez na vida que quase vomito lendo alguma coisa

nojento 

primeira vez foi lendo Glyceride do Junji Ito, que além de nojento dá um mal estar terrível com as imagens

nem os textos forçados do Chuck Palahniuk sobre masturbação me embrulharam tanto cruz credo

uma coisa que me agradou muito são os contos organizados juntos, que é uma ideia óbvia e simples que nunca me cruzou a cabeça e seria muito mais fácil de conduzir do que a verborréia que pratico :angery:

se eu me planejar direitinho consigo ler mais uns dois livros sobre drogados (que esses eu sei que tenho em casa) e dou um cavalo de pau e chego em American Psycho de novo :blob_think_smart:

listas na internet recomendam o Almoço Nu e Junkie do Burroughs, acho que só tenho o primeiro em casa

Trainspotting 

também é incrível como todos os personagens são ainda mais detestáveis e merdas do que no filme, decididamente o cast ajuda horrores a distrair o público das dez toneladas de bosta que esses caras aprontam

Trainspotting 

o jeito do Spud de chamar todo mundo de gatos e bichanos é adorável, acho um charme

Trainspotting 

em um dos textos o Franco fala que ler é merda, que a tv e o jornal ensinam tudo que uma pessoa precisa saber na vida e isso me deixou tão indignado que não paro de pensar sobre

Trainspotting 

o Rent Boy preso em casa pra se desintoxicar me lembrou que não tenho nenhum personagem ex-viciado

ai lembrei que tenho mas ele tá abandonado no meio-fio tombado precisando nascer de novo

Trainspotting 

aliás maldita hora em que a Dawn foi morrer pq fiquei realmente machucado com isso no filme

Trainspotting 

Sangue Ruim começou estranho, capengou pra um momento que faria Patrick Bateman sorrir e ai terminou FODA

já valeu o livro

Trainspotting 

nunca entendi como teve continuação pro filme, agora terminei o livro totalmente despirocado das ideias RAPAZ A SUJEIRA DESSES JOVENS MANOOOOOOOOOO

essa era uma excelente oportunidade de começar o livro do Iggy, mas vou pro Christiane F pra manter o tema

só tá foda a viagem geográfica nas drogas: Trainspotting se passa tanto em Edimburgo como em Londres, Christiane F acho que é em Berlim, e se eu pegar mesmo Almoço Nu vou ler sobre o Tanger, oxe

Christiane F 

tinha esquecido completamente que tem os trechos da mãe dela no meio, chatooooo

esse tipo de livro sempre me deixou preocupado pq se eu precisasse escrever minha biografia tava ferrado, não lembro de quase nada com detalhes

pesquisando aqui umas fotos da Christiane da época do texto e vários sites apresentam o livro como escrito por ela, quando na verdade duas pessoas foram lá amolar ela pra falar sobre a vida, o universo e tudo o mais, taloco mano

cabei, e apesar de querer muuuuito pegar o próximo vou segurar, senão misturo um texto no outro e não absorvo nada

tô com o Abaixo de Zero na mão pra colocar como próximo, mas ai depois vou querer pegar American Psycho e quero degustar o verme yuppie, então vou colocar outra coisa antes desses

aliás pq nunca comprei Suítes Imperiais mesmo????

única simpatia que gasto com o Kerouac e o sujo do Ginsberg é quando lembro que foram eles que precisaram sentar e ler tudo que o Burroughs digitou pra organizar de forma coerente

se eu escrevesse toda viagem que se passa na minha cabeça seria a mesma coisa

reli o toot e pensei que tinha escrito digitar no contexto errado (??), mas ai me corrigi na mesma hora pensando "e você faz o que em uma maquina de escrever queridinho?"

vou demorar demais nesse livro pqp, tenho que ficar parando pra confirmar se tudo que o drogalheiro fala é verdade ou não ave

acabei de lembrar que tenho o livro do Burroughs com as cartas sobre o yage, acho que vou encaixar depois do Pescotapa Americano

Seguir

como é difícil ler esse livro sem focar 100% de tudo nele, se fosse uma conversa já teria mandado tomar no cy

Entre para participar dessa conversa
Mastodon(te)

O masto.donte.com.br é uma instância moderada com um foco em usuários do Brasil, mas usuários de outros lugares (e outras línguas) são bem vindos. Discursos de ódio são proibidos. Usuários que não respeitem as regras serão silenciados ou suspensos, dependendo da severidade da violação.